Edgar Pinto venceu a terceira etapa da Volta às Astúrias e pela terceira vez a W52 – FC Porto vence esta chegada (Ricardo Mestre e Raúl Alarcón venceram nos anos anteriores). A última etapa fez a ligação entre Cangas del Narcea e Oviedo num total de 120 quilómetros que os ciclistas tiveram de percorrer. Com um Prémio de Montanha de 2ª categoria perto do fim. Após algumas tentativas uma fuga de 5 ciclistas formou-se e só foi alcançada no inicio do Prémio de Montanha. Nesta subida um grupo de 8 elementos, entre eles Edgar Pinto, destacou-se do pelotão. Nos últimos 5 quilómetros Edgar Pinto atacou e conseguiu uma vantagem que conservou durante a descida e foi suficiente para garantir a vitória na etapa, e 4º lugar na geral final.